Home | Cultural | Música | Rock'n'Roll | A Invasão Britânica - The Beatles
The Beatles

The Beatles

The Beatles

The Beatles

The Beatles

The Beatles

The Beatles

A Invasão Britânica - The Beatles

Texto: Léo Falabela


O que, na época, era comumente chamado de "a invasão britânica", na realidade, teve seu embrião no final dos anos 50, na cidade inglesa de Liverpool.

Lá, influenciado por Chuck Berry, Buddy Holly e os Everly Brothers, John Lennon fundou uma banda com o nome "John and The Quarrymen". Logo depois foi apresentado à Paul McCartney, que se juntou ao grupo, e passaram a se apresentar com o nome "The Nurk Twins". Com o pequeno sucesso inicial, abandonaram a escola para se dedicar apenas à música.

Alguns anos mais tarde, John chamou seu amigo Stu Sutcliffe para tocar baixo e Paul (na época guitarrista) convida seu grande amigo (e também guitarrista) George Harrison, tocar baixo e Paul (na época guitarrista) convida seu grande amigo (e também guitarrista) George Harrison, para que ambos viessem fazer parte da nova banda, agora denominada "Johnny and the Moondogs". Em 1960, já com o nome "The Silver Beatles", e com Pete Best na bateria, fizeram uma pequena turnê por Hamburgo (Alemanha), onde gravaram a tradicional "My Bonnie (Lies Over the Ocean)", com o desconhecido cantor Tony Sheridan.

Quando retornaram em viagem à Hamburgo, Stu resolveu sair dos Beatles para ficar com sua namorada e retomar os estudos de arte. Essa namorada, aliás, foi quem desenhou os modelos de roupas e cabelos usados por eles, que intrigariam o mundo anos mais tarde. Dois anos depois, em 1962, Stu Sutcliffe morreria vítima de problemas na cabeça, que nunca foram confirmados como sendo realmente um tumor no cérebro. Mas foi no ano de 1961 que o grupo ganhou sua grande chance, por mais estranha que ela possa ter parecido em seu início. O rico comerciante Brian Epstein, que possuía, entre outros negócios, uma loja de discos, viu-se intrigado por não poder atender um cliente que pediu o compacto de "My Bonie Lies Over The Ocean", no qual os Beatles tocaram. Sem conseguir admitir o fato de não possuir algo que seu cliente pedira, Epstein tentou entrar em contato com todos que pudessem saber sobre o disco e acabou, assim, chegando ao próprio grupo. Ele descobriu os Beatles em um pub, chamado "Cavern", e logo se apaixonou por eles, propondo-lhes ajuda imediata.

Vale a pena comentar que o nome Beatles fora inspirado na denominação usada pela banda de Buddy Holly, chamada The Crickets (os grilos, em português) e fazia um trocadilho com beetles (besouro) e beat (que tanto significa "batida" ou "compasso rítmico" quanto se refere ao movimento beatnick dos anos 50, um precursor dos primordiais tempos de rebeldia do rock).

Com Epstein agora como seu empresário, os Beatles conseguiram um pequeno contrato com a Parlaphone, pertencente à EMI. Neste meio tempo, o baterista Pete Best, considerado pela gravadora ruim demais, foi substituído por Ringo Starr, que antes fazia parte do grupo Rory Storm and the Hurricanes. Com a nova formação, os Beatles gravaram, então, um single contendo a famosa "Love me Do", lançado em outubro de 1962. A música chegou ao décimo-sétimo lugar nas paradas, colocando o nome do grupo no cenário musical inglês. Outro single, lançado no ano seguinte, chamado "Please Please Me", chegou ao primeiro lugar na lista dos mais pedidos, assim como outros três outros que se seguiram. O primeiro grande sucesso dos rapazes de Liverpool nos Estados Unidos aconteceu em 1964, quando "I Want to Hold Your Hand" passou a ser tocado em todas as rádios norte-americanas, impulsionando uma grande procura, por parte dos americanos, aos singles anteriores a este. O mais irônico é que a Capitol Records, filiada da EMI, recusou-se, a princípio, a lançar os singles do grupo porque achou que eles não interessariam à juventude de seu país. Como se sabe, eles estavam redondamente enganados, uma vez que os Beatles, em apenas alguns meses, conseguiram colocar todas as suas músicas dentre as cinco mais pedidas nas paradas. Estava começando o fenômeno conhecido como "Beatlemania", que tomou conta dos Estados Unidos em meados dos anos 60, levando milhares de fãs a comprar os discos e assistir aos filmes lançados pelo grupo. Duas grandes produções cinematográficas com a participação do quarteto foram lançadas no ano de 1964: A Hard Day's Night e Help, cujas filas nas entradas dos cinemas eram disputadas palmo a palmo.


Continue lendo: A Invasão Britânica - The Beatles, parte 2

Quer falar com a gente? (31) 3281.1196 - Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil / estudio@caleidoscopio.art.br || Produção: Caleidoscópio Multimídia